Google Maps ganha banho de design e novas funcões para comemorar seus 15 anos

Celebrando a data, o aplicativo de mapas mais famoso do mundo foi redesenhado para mostrar que ele pode fazer mais do que mostrar como ir do trabalho para casa sem se perder no caminho. Até o ícone da ferramenta na Google Play e App Store mudou.



Além da mudança visual, o aplicativo também ganhou outras novidades, como as que passarão a ser informadas sobre transporte público: faz calor ou frio? Tem espaço reservado para mulheres? É seguro?


Em uma entrevista, Jen Fitzpatrick, vice-presidente para o Google Maps, explica que as mudanças foram feitas porque as pessoas passaram a buscar informações cada vez mais complexas no aplicativo.


A expectativa das pessoas sobre o que o Maps pode fazer e o tipo de questões que podemos responder está mudando e evoluindo. As pessoas costumavam perguntar coisas simples, como o nome de um restaurante, o telefone de um lugar ou o link para um site. Hoje, nós vemos as pessoas fazendo questionamentos longos, como, 'qual é a melhor pizzaria daqui até meu hotel?', 'quais são os melhores pratos do menu?', 'se eu for agora, estará cheio e terá fila?'

A resposta correta a essas perguntas, pode ser o que fará alguém ir a um determinado restaurante ou optar por outro.


Somente no ano passado, foram adicionados mais estabelecimentos comerciais à plataforma do que em seus primeiros 10 anos de existência. Muitos desses locais são incuidos graças ao trabalho de guias locais. São mais de 120 milhões de voluntários em todo mundo que, juntos, fazem 20 milhões de modificações todos os dias.




Ainda dá para ver o trânsito?


A mudança mais visível será no rodapé. Agora serão cinco abas: "Explorar", "Dia a Dia", "Salvos", "Contribuir" e "Novidades".


Em "Explorar", você continua a poder procurar por endereços e traçar rotas para chegar até ele usando diferentes tipos de transporte.


A aba "Dia a Dia" mostra deslocamentos que costumam ocorrer corriqueiramente — Da casa para o trabalho, de casa para a academia etc.


Onde estarão os lugares que eu salvei?


Uma das novidades, a aba "Salvos" reunirá boa parte das interações que um usuário tiver com um estabelecimento. Estarão lá as listas de lugares favoritos e daqueles a serem visitados. É por lá que se encontra também os locais aos quais você já foi — sim, o Maps registra isso.

Aqui entra estará uma função que o Google quer transformar na missão do Maps no futuro: integrar o virtual ao físico. Será possível fazer reservas em restaurantes pelo app.


Agora será possível seguir estabelecimentos comerciais. Desta forma, as novidades serão informadas aos seguidores por meio de notificações.


Dá para continuar a mexer no mapa?


“Contribuir" era um item que já constava no app. Achá-lo, no entanto, não era simples. É essa área que reúne todas as contribuições de conteúdo feitas por um usuário no Maps.


Você pode avaliar um restaurante ou adicionar fotos de um prato, até editar ruas e avenidas ou incluir localidades.


O Google também criou uma categoria de contribuições, voltada para mostrar o conforto ou a segurança de um local. A começar pelo transporte público, será possível indicar se o trem ou ônibus que percorre determinado trajeto é frio ou muito quente, se reserva áreas específicas para mulheres, se possui câmeras ou seguranças.


Como usar o Maps para conhecer a região?


A aba "Novidades" foi reorganizada. Ela vai reunir locais recomendados a um usuário, conforme os estabelecimentos que ele já visitou. Ele indica a chance de você gostar de um restaurante com base no seu histórico.


Outro detalhe que ficará mais evidente são as indicações dos guias locais. As dicas dos usuários que ganham mais pontos fazendo avaliações em uma região ganharão posição de destaque. E será até possível segui-los. A cada novo review, você recebe uma notificação.


Aqui também estarão as mensagens enviadas a estabelecimentos comerciais. Sim, já era possível fazer isso no Maps, mas era duro de achar.


O que aconteceu com os trajetos em 3D?


Outra função que foi melhorada é a função Live View. Ela já mostra rotas em realidade aumentada, ou seja, posiciona indicadores digitais sobre as imagens do mundo captadas pela câmera do celular. Basta apontar o celular para uma direção e surgirão sinais na tela indicando que caminho tomar para chegar ao destino solicitado.

Agora, a informação do que fazer em seguida será dada de forma mais clara. O Maps também mostrará qual a distância entre você e o destino final.



Ícone comemorativo do Google Maps


Fonte: Uol